quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

As 10 tendências globais de consumo para 2016

O relatório “As 10 tendências globais de consumo para 2016”, elaborado pela consultora de tendências  Daphne Kasriel-Alexander, da Euromonitor International, aborda didaticamente os perfis, exemplificando cases de como algumas empresas compreenderam esses perfis e converterão em produtos e serviços para melhor atendê-los. 

1)      Consumidor Agnóstico: seu perfil é de um consumidor bastante informado, que utiliza-se dos recursos ao seu alcance para a tomada de decisão da compra. Ele busca ponderar o custo-benefício, não se prendendo a marcas ou valores; Este consumidor aprecia produtos de qualidade e sentem satisfação pela sensação de economia.
2)      Compradores de Tempo: consumidores que estão dispostos a terceirizar diversas atividades do seu cotidiano em prol de ter mais tempo livre. Adeptos de alimentos pré-prontos e refeições práticas, entretenimento rápido, compras online, e programam suas agendas com gaps curtos entre os compromissos.
3)      Desafiadores da idade: a longevidade da população  afetou diretamente no perfil dos consumidores. A melhor idade passou a ter uma participação mais ativa no mercado e cada vez mais inseridos no mundo digital. Neste contexto, surgem oportunidades nas áreas de turismo e serviços.
4)      Transformadores: São o que fazem parte da geração Millenial. Preocupados com causas sociais e ambientais, buscam identificarem-se com marcas e empresas que tenham a sustentabilidade em seus valores. Estes não se questionam “O que serão quando crescerem” e sim “O quão diferente será o mundo por eles terem vivido nele” ;
5)      Multigeneros: entendem que o design dos produtos não deve ser “rotulados” para gêneros específicos. Prezam por identidades que não estereotipam a sociedade.
6)      Alimentação Verde: busca por produtos orgânicos, zero açúcar, baixo teor de gordura, rico em proteínas, ou seja, alimentos saudáveis. Preocupa-se com o consumo sustentável, sempre dando preferência para a produção local. Identifica-se até uma nova patologia, a “Orthorexia Nervosa”, uma obseção anormal por alimentação saudável, correta e ética.
7)      Equilíbrio mental: consumidores que buscam a qualidade de vida não apenas com o bem estar físico, mas também o mental.
8)      Consumidor conectado: estima-se que quase metade da população mundial já tem acesso à internet. A previsão é que o número de internautas ultrapasse a marca de 3 bilhões de usuários em 2016.Cada vez mais os usuários estão carregando seus dispositivos móveis consigo para todas as suas atividades diárias e realizando compras online.
9)      Controladores: o receio a adversidades que podem influenciar no convívio diário tem levado alguns a consumirem mecanismos que permitam um maior controle sobre todos os aspectos de suas vidas. A insegurança tem influenciado muitos na tomada de decisão no momento da compra.
10)   Solteiros: percebe-se um crescente número de solteiros, que usufruem dos benefícios de serem independentes, convertendo seus recursos em benefícios próprios.  

Para ter acesso ao relatório na integra acesse:

Nenhum comentário:

Postar um comentário